Cena do dia.

Geralmente, o que se espera é que, as pessoas que enxergam, ajudem os cegos a atravessarem a rua. Pelo menos, sem hipocrisia, é isso que eu sempre faço. Me sinto na obrigação.

Muitas foram as vezes que eu, atrasado para bater ponto (literalmente batia ponto) no fórum da capital do Mato Grosso do Sul, quando ainda estagiava lá, via um cego que esperava sua vez de atravessar a rua, parava e ajudava-o até o outro lado. Eu atrasava mais ainda por isso? Claro! Mas, meu Deus, o que são 3 minutos a mais para quem vê, não é mesmo?

No entanto, não foi isso que vi hoje – infelizmente.

Um cego atravessava a principal avenida da cidade, um pouco desorientado, pois o poder público, até hoje, não fez faixa de pedestres especiais para cegos. No sentido contrário, um adolescente que passou reto, como se aquela outra pessoa não precisasse nada de sua ajuda.

No carro, esperando o sinal abrir, pensei: que juventude desorientada!

É triste ver que a educação, aquela mais básica, é rara em nossa sociedade. E o pior: por aqueles que serão nosso futuro…

Anúncios

Olá, não estou mais respondendo comentários por aqui. Acesse: www.hugo.adv.br www.edgardmedeiros.com.br www.instagram.com/edgardmedeirosadvogados/ www.facebook.com/EdgardeMedeirosAdvogados/ www.youtube.com/channel/UC6U25Xj3nYYz-MuWV7TMq4w

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s