O prazer que é advogar.

Devo dizer aos nobres colegas ou futuros colegas que leem este blog: advogar me dá um prazer indescritível.

O calor da causa, da discussão em audiência, o sangue fervendo, o direito de seu cliente sendo defendido… tudo isso me dá um prazer que não consigo colocar em palavras.

A alegria de ver o problema resolvido; a felicidade de racionar teses todos os dias e acreditar que elas são juridicamente possíveis; o dia-a-dia nos fóruns; o encontro com os colegas nos corredores; e sempre, como fundamento de tudo isso, o amor por advogar.

Advogar me faz feliz, me faz realizado.

Obrigado, Deus.

“Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, porém o maior destes é o amor” (1 Coríntios 13:13)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s